PERIODONTIA

A Periodontia dedica-se ao estudo, diagnóstico e tratamento do periodonto, isto é, das estruturas que envolvem e suportam o dente (gengiva, ligamentos e osso alveolar).

DOENÇA PERIODONTAL

A doença periodontal, também conhecida como a “doença das gengivas”, traduz-se na inflamação dos tecidos do periodonto.

É, muitas vezes, uma doença crónica e que pode resultar em consequências irreversíveis, se não for tratada atempadamente.

Gengivite: Inflamação que está apenas confinada à gengiva. É a primeira fase da doença periodontal, sendo reversível se tratada a tempo e da forma mais adequada, requerendo o acompanhamento de um profissional de Saúde Oral.

Periodontite: Inflamação que afecta todas as estruturas de suporte do dente (gengiva, ligamentos e osso alveolar).

Representa uma fase mais avançada da doença, em que existe inflamação gengival mas também destruição de ligamentos periodontais e de osso alveolar. Nesta etapa os danos causados pela doença são irreversíveis, uma vez que as estruturas perdidas não são repostas naturalmente. Porém, com acompanhamento profissional adequado, é possível preservar as estruturas remanescentes e eventualmente reaver algumas estruturas perdidas.

Causas da doença periodontal

A causa mais comum das doenças periodontais é a placa bacteriana. A placa bacteriana é um biofilme que se forma nos dentes, composto por bactérias, restos de alimentos e saliva. A sua acumulação origina a inflamação gengival e mais tarde, se não for removida, penetra no sulco gengival (espaço entre o dente e a gengiva) levando ao agravamento da doença, e comprometendo outros tecidos (ligamentos e osso).

Em algumas situações, a doença periodontal pode ser agravada por fatores traumáticos, alterações hormonais, doenças sistémicas, tabaco, malnutrição, entre outros.

Sinais e sintomas

Gengivite

– Gengivas vermelhas e inchadas;

– Gengivas que sangram ao escovar;

– Gengivas sensíveis;

– Mau sabor;

– Mau hálito.

Periodontite

– Todos os sinais e sintomas da gengivite;

– Gengivas retraídas;

– Raiz do dente exposta;

– Sensibilidade dentária;

– Mobilidade dentária (dentes a abanar);

– Perda de osso alveolar;

– Perda de dentes.

O tratamento periodontal depende sempre da fase em que se encontra a doença e os resultados obtidos dependem, em muito, dos cuidados e do empenho do paciente. O tratamento periodontal compreende:

 

Diagnóstico e plano de tratamento:

Medição de bolsas periodontais, medição de recessões gengivais, grau de mobilidade dentária, grau de hemorragia gengival, grau de acumulação de placa bacteriana e realização de radiografias (quando necessário).

Remoção de depósitos supra-gengivais:

Remoção da placa bacteriana e do tártaro acumulados na zona superficial dos dentes (visível a olho), utilizando técnicas e instrumentos adequados a uma limpeza dentária eficaz. Este procedimento é indicado para o tratamento da gengivite e da periodontite.

 

Remoção de depósitos sub-gengivais:

Remoção do tártaro acumulado na zona abaixo da linha da gengiva, dentro da bolsa periodontal (não visível a olho), utilizando técnicas e instrumentos mais específicos para as zonas profundas (alisamento radicular, curetagem e em casos avançados cirurgia periodontal). Este procedimento aplica-se no tratamento da periodontite.

Ensino de técnicas e cuidados de higiene oral:

Porque cada caso é um caso, é necessário ajustar técnicas e cuidados específicos a cada paciente, através de: ensinos de escovagem, uso de acessórios de higiene oral (fio dentário, escovilhão, unitufo), recomendação de elixires de tratamento/manutenção, pastas dentífricas e escovas de dentes.

Consultas de manutenção:

O período entre consultas varia consoante o caso. Servem para monitorizar o estado da saúde periodontal, ajustar o tratamento, realizar novos tratamentos (se necessário), e evitar reincidências da doença. Esta é uma etapa fundamental para que o tratamento executado seja duradouro e eficaz.

 

Tenha em atenção que o tratamento da doença periodontal e os resultados obtidos dependem do empenho e da motivação do paciente, pois este é um processo demorado. Procure sempre ser acompanhado e aconselhado por um especialista de Saúde Oral.

CLÍNICA DENTÁRIA NOVA DENTISMED CAMPO PEQUENO

Av. da República, 56, 4º Esq

1050-196 Lisboa

Portugal

 

Segunda a sexta-feira das 9h00 às 20h00

Sábados das 9h00 às 17h00

(+351) 217 970 483 / (+351) 217 950 155

(+351) 961 352 525

 

campopequeno@novadentismed.com

CLÍNICA DENTÁRIA NOVA DENTISMED MARQUÊS DE POMBAL

Av. Duque de Loulé, 105, 2º

1050-089 Lisboa

Portugal

 

Segunda a sexta-feira das 9h00 às 20h00

 

(+351) 213 158 338 / (+351) 213 158 339

(+351) 912 131 369

 

marquespombal@novadentismed.com

  • Nova Dentismed Facebook
  • Nova Dentismed Instagram
  • Nova Dentismed Youtube
  • Nova Dentismed Linkedin

© 2019 Nova Dentismed

Clínica Campo Pequeno  217 970 483  |  Clínica Marquês de Pombal  213 158 338

united-kingdom-flag-round-xs.png